OAB e suas atuações humilhantes que vão na contramão da sociedade.

#publicaciencia
Autor: Paulo Byron Oliveira Soares Neto

Na data de 20 de março de 2019, a Ordem dos Advogados do Brasil de Santos, em solenidade expôs a face mais obscura que existe no cerne da OAB como um todo.
O acontecimento solene ocorrido refere-se a entrega das carteiras de advogados e estagiários da Ordem.
Um aluno do quinto ano de Direito, que ali estava para receber sua carteira de estagiário, foi muito bem recebido nas dependências da OAB-Santos.
Informou que o rito de entrega de sua carteira seria efetuada pelo seu cônjuge, marido.
Isto mesmo seu cônjuge, nos dias atuais nada mais comum, e legal, do que o casamento entre pessoas do mesmo sexo.
Todavia, durante o procedimento de entrega, notou-se que as pessoas que estavam com seus respectivos cônjuges foram chamadas para a devida entrega da carteira como: marido de…, esposa de…
Por fim, o aluno em questão é chamado e não chamaram seu cônjuge como a todos os demais, marido, apenas o fizeram pelo seu nome.
Nota-se claramente que há uma distinção, um fato lastimável que requer retratação por partem da Ordem dos Advogados do Brasil, bem como a repreensão da vice-presidente da OAB-Santos que da forma mais vil discriminou estes indivíduos. Certamente que tais condutas não são mais aceitas pela sociedade hodierna.
A sociedade evoluiu e a Ordem dos Advogados do Brasil também deve evoluir, não há mais lugar para qualquer tipo de discriminação ou homofobia nos tempos atuais.
Deixamos aqui exposto nosso repúdio ao ocorrido e nosso pedido de retratação pública pela Ordem dos Advogados do Brasil, como também a repreensão à vice-presidente da OAB-Santos, que com tais atitudes não faz jus ao cargo.

Hits: 175

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.