A adesão a boas práticas de governança corporativa e seus impactos sobre a avaliação financeira das companhias abertas segundo a ótica de profissionais de investimentos do mercado de capitais

#publicaciencia

Dissertação de: Marcelo Castro Domingos da Silva

RESUMO: Esta dissertação de mestrado investigou a Governança Corporativa (GC), tema que tem ocupado cada vez mais espaço na atividade de investimentos e na gestão de empresas, em especial naquelas de capital aberto. Este trabalho teve a finalidade de identificar como profissionais de investimento do mercado de capitais entendem que a GC de companhias listadas na Bolsa de Valores de São Paulo afeta seu trabalho na avaliação de empresas e seus conseqüentes impactos sobre a valoração de ativos. Assim, este estudo permitiu não só a resolução do problema de pesquisa, como identificou como a GC está presente no processo de decisão de investimento e, ainda, se os investidores estão dispostos a pagar mais pelas companhias que demonstram maior grau de transparência e equidade no tratamento de seus acionistas e público relacionado. O referencial teórico se fundamentou na GC e na reputação organizacional, fazendo uso de conceitos e categorias oriundos da economia e da administração. Utilizaram-se como instrumentos de análise entrevistas aplicadas em 14 profissionais de investimento do mercado de capitais brasileiro (analistas e dirigentes de empresas) e considerou-se como pressuposto que há uma relação inversa entre a valorização das ações e a taxa de desconto aplicada para se calcular o valor justo das ações. Os resultados sugerem que a governança corporativa consiste em fator importante, porém não determinante para a criação de valor econômico das companhias.

” width=”775″ height=”775″>

Hits: 66

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *