A ação do veneno da crotalus durissus terrificus em cultura de células neoplásicas

#publicaciencia

Dissertação de Marta Falcão Novaes

RESUMO: A citoxidade do veneno da serpente Cratalus durissus terrificus (Cdt) sobre células neoplásicas foi estudada através de várias técnicas, com o objetivo de avaliar os efeitos desse veneno, tanto o total quanto as franções, sobre o metabolismo celular. Em nossos estudos avaliamos a ação do veneno total da Cdt jovem e das frações do veneno da Cdt adulta sobre cultura de células neoplásicas Hep-2 (carcinoma epidermóide da laringe) após tratamento com concentrações e tempos variados. Medidas espectrofotometria em 570 nm e por micropsia de fluorêscia possibilitaram a aquisição de informações sobre a organização e a dinâmica das estruturas celulares, e também a avaliação sobre a síntese de ATP para verificar a ação do veneno sobre as mitocôndrias, interrompendo desta forma o ciclo celular. Nossos resultados permitem verificar que a cultura celular HEP-2 incubada com concentrações de 0.5, 1 e 5 ì g/ml do veneno apresentaram um comprometimento da atividade celularm, sendo observados danos no núcleo e apoptose pontual.

Hits: 97

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *